Dicas de Decoração para Casa | Blog MPozenato

Além de móveis de qualidade com um ótimo custo-benefício, a Mpozenato te mostra dicas de decoração para casa. Confira as nossas sugestões para decorar a sala de estar, jantar, quartos e muito mais!

Category: Decoração (page 1 of 2)

O mercado imobiliário em Bragança Paulista

Embora o número de pessoas que preferem viver longe da agitação da Capital tenha diminuído nos últimos anos, ainda é muito alta a quantidade de pessoas que preferem morar no interior em busca de um ambiente mais calmo e acolhedor. Nesse aspecto, a cidade de Bragança Paulista oferece opções para todos os perfis, tanto investidores quanto cidadãos que querem se estabelecer no interior do Estado.

A cidade, conhecida por seu clima agradável, faz parte do Circuito entre Serras e Águas, trazendo a natureza e suas riquezas naturais mais perto do convívio das pessoas. Além disso, sua localização privilegiada faz com que Bragança Paulista esteja próxima da Capital e das grandes cidades da região, bem como das principais rodovias estaduais.

Ante todos esses aspectos, o mercado imobiliário de Bragança Paulista tem se destacado na região com opções diversificadas e que atendem a todos os tipos de investidores, dos mais conservadores até os mais arrojados. Também há uma vasta gama de opções para quem busca um lugar para se estabelecer com a família e construir novos vínculos.

Outro aspecto importante que podemos destacar é a proximidade da cidade de Bragança Paulista com a cidade de Extrema, em Minas Gerais. Extrema é um importante polo industrial no país e um dos maiores da região, com indústrias de diversos segmentos. Tais indústrias utilizam de mão de obra da região, principalmente da cidade de Bragança Paulista, justamente por conta da proximidade.

É comum muitos dos trabalhadores da cidade de Extrema optarem por se estabelecer em Bragança Paulista, pois a cidade apresenta uma infraestrutura melhor, com mais opções de escolas, comércio, hospitais e outros. Além do mais, muitas dessas empresas oferecem transporte do tipo fretado para seus colaboradores que residem em Bragança Paulista poderem ir e voltar do trabalho. Portanto, a oferta de emprego da região é bastante alta, uma vez que todas as empresas buscam por mão de obra qualificada e com experiência. Isso faz com que muitas pessoas busquem por imóveis na cidade visando uma melhor oportunidade de emprego ou uma recolocação no mercado de trabalho.

Em contrapartida, outro ponto forte que podemos destacar refere-se a variedade de condomínios fechados que a cidade oferece. Uma grande parte desses condomínios foi implantada recentemente, fazendo com que seus imóveis apresentem uma arquitetura moderna, com opções de lazer dentro do próprio condomínio, agregando ainda mais charme e valor aos imóveis. Alguns deles, localizados próximos as saídas da cidade, mantém o ar calmo e tranquilo da vida no interior, sem perder a comodidade e praticidade que as diversas opções de restaurantes, lazer e comércio da região oferecem.

Há, ainda, os novos residenciais que também são uma excelente opção para quem busca algo novo e acessível, tanto financeiramente quanto do ponto de vista da localização. Dentre esses residenciais há alguns em fase de implantação, ideal para os investidores que preferem adquirir novos bens nessa fase para uma rentabilidade maior a longo prazo.

Tudo isso faz com que o mercado imobiliário de Bragança Paulista se mantenha em constante crescimento, acompanhando a demanda das necessidades da região.

Aprenda como colocar papel de parede, conheça as dicas.

Conheça cinco dicas valiosas para acertar na hora de decorar seus ambientes com papel de parede.

O anseio por mudanças e, principalmente, por aprimoramento constante faz parte da natureza

dos seres humanos. Isso se faz presente também no quesito decoração de ambientes domésticos. Nesse contexto, proporcionar uma nova roupagem ao nosso cantinho não só permite uma renovação estética, mas também torna o ambiente mais aconchegante e aprazível para sua família e seus amigos.

Uma das dificuldades na hora de decorar ou, ainda, renovar a decoração dos imóveis consiste naquela bagunça que qualquer obra promove. Todavia, é possível evitar todo esse transtorno com a utilização de papéis de parede. Não é o máximo?

Pensando nisso, neste texto, vamos apresentar cinco dicas valiosas para que você renove o visual de sua casa sem precisar ter que lidar com aquela sujeirinha causada pelas reformas.

Adote algumas medidas antes de escolher o tipo de papel de parede

Antes de escolher o tipo de papel de parede, precisamos ter uma definição precisa do objetivo que almejamos com essa renovação da decoração, ou seja, quais os efeitos que queremos causar – queremos um ambiente mais claro ou mais escuros? Mais leve ou mais carregado? Chamar a família para participar desse processo pode ser uma excelente oportunidade de construir um ambiente gostoso para todos.

Do mesmo modo, definir previamente os locais em que pretendemos colocar papel de parede evitará que tenhamos despesas maiores no caso da aquisição de um material incompatível com o cômodo. Banheiros costumam ser ambientes que apresentam muita umidade e requerem papéis de parede com materiais emborrachados, por exemplo. O quarto das crianças não terá acúmulo de poeira se for empregado um material acetinado. Opções disponíveis no mercado não faltam.

Portanto, quanto mais informações buscarmos, melhores serão as chances de fazermos as escolhas certas para nossa casa. Não é mesmo?

Faça um orçamento

Educação financeira tem sido um assunto bastante recorrente na nossa sociedade e o tema orçamentário deixou de ser uma tarefa a ser realizada somente nos âmbitos corporativos ─ sejam estes públicos ou privados ─ e passou a ser tratado no ambiente doméstico. Diante disso, o sucesso da sua reforma será definido também através da elaboração de um plano orçamentário de qualidade.

Para tanto, precisamos fazer o levantamento de tudo aquilo que necessitamos para que nossa reforma seja um verdadeiro sucesso. Dito isto, temos que partir para a prática e começar a enumerar quais serão os materiais empregados para, então, elegermos nossos fornecedores. O ideal é fazer um levantamento dos custos para, no mínimo, três empresas distintas. Esse processo pode ser empregado tanto se formos contratar uma empresa de design de interiores ou um escritório de arquitetura para fazer a reforma, quanto se pretendermos colocar a mão na massa.

Uma vez realizado o levantamento de todos os materiais e eleito o nosso fornecedor, sem mais delongas, temos que definir qual será a origem financeira que pagará por tudo, ou seja, esse dinheiro vem de que local.

Parece besteira, mas o processo de elaboração orçamentária para a colocação do seu papel de parede poderá fazer toda a diferença entre o sucesso e o fracasso da sua inciativa e o que queremos é exatamente que o seu resultado seja satisfatório e sua casa fique ainda mais linda.

Esse cuidado certamente facilitará o trabalho do corretor de imóveis, caso você pretenda colocar sua casa à venda.

Estude as técnicas de aplicação

O conhecimento acerca das técnicas adequadas para se fazer a colocação do papel de parede além de evitar o desperdício dos materiais, fará toda a diferença no resultado estético da sua inciativa. Diante disso, vamos destacar três aspectos fundamentais para que você não cometa erros. Vamos a elas:

Limpe e nivele a superfície onde será aplicado o papel de parede. Isto é, cubra os buracos dos pregos, corrija os descasco, bem como, realize a remoção de outro papeis de parede. O gesso é um material ideal para promover um nivelamento adequado, mas se isso não for preciso, basta um pano úmido para deixa-la limpa, antes da aplicação.

Meça as dimensões da parede para não errar na hora de fazer a aplicação do papel. É preciso lembrar que os rolos costumam apresentar largura fixa e, por isso, os recortes devem ser precisos para que o local fique todo coberto e não falte uma parte das estampas. Esse cuidado promoverá uma experiência estética agradável ao cômodo.

Evite manchas no chão utilizando plástico para cobri-lo, principalmente se você optou por utilizar cola para fixar o papel na sua parede. O ideal é que você procure papeis de parede adesivados para não perder tanto tempo com esses cuidados.

Faça testes antes de aplicar

Como já havíamos abordado anteriormente, o local de aplicação do papel de parede precisa ser definido para que o resultado seja satisfatório. Além disso, precisamos dosar a quantidade de papel a ser aplicado. Mais do que evitar desperdícios, esse processo permite que o ambiente apresente um visual harmônico.

Portanto, nada de carregar sua casa com muitas estampas. Procure dosar a quantidade e faça testes antes de aplicar o papel na parede, pois isso evitará que o ambiente fique muito carregado.

Aprenda a fazer a manutenção sozinho

A durabilidade do seu papel de parede não só depende das técnicas empregadas no processo de aplicação, mas também dependem de uma manutenção constante.

Se sua casa apresenta umidade, recomenda-se que seja aplicado um produto impermeabilizante. Isso aumentara a durabilidade do papel de parede e você não precisará ficar toda hora trocando.

Mesmo os papéis feitos com materiais mais resistentes precisam de cuidados, mas esse processo é bastante simples, pois basta que sejam limpos periodicamente com um pano úmido.

Sendo assim, destacamos cinco dicas que entendemos com sendo essenciais para que você faça uma aplicação adequada do papel nas paredes da sua casa.

Sinta-se à vontade para buscar outras fontes de conhecimento a fim de que sua casa fique impecável e sua família disponha de um espaço mais do que especial.

Gostou da leitura? Então, deixe seu comentário sobre o tema aqui abordado. Sua manifestação é muito importante para nortear a produção de outros conteúdos.

Como escolher a banqueta de cozinha certa

kit-2-banquetas-estofadas-lux-com-regulagem-a-gas-preto-facthus-98896Geralmente utilizada na divisão com a sala, escolher as peças corretas pode fazer uma diferença incrível em ambientes decorados

Um dos tipos de decoração perfeito para móveis com metragem reduzida, a cozinha americana amplia o espaço de refeição, integrando o local de jantar com o de estar. Para que isso aconteça, é utilizada uma bancada de apoio, que funciona para todas as refeições.

No entanto, por conta da sua altura, este balcão utilizado na decoração de cozinha exigem também tipos de banquetas altas, em vez das tradicionais cadeiras, para que os moradores e visitantes possam ficar acomodados confortavelmente. Porém, como escolher o modelo certo para a sua necessidade?

Encontrando os modelos de banquetas

Antes de tudo, estes artigos de decoração já devem ser pensados desde o momento inicial da decoração. É preciso ter em mente o número correto de pessoas que vão utilizar dos bancos para cozinha.

Para saber a numeração de banquetas que você precisa, primeiro calcule o seu espaço disponível na decoração de ambientes. Cada peça ocupa, no mínimo, 60 centímetros. Outro ponto importante que o decorador precisa pensar é o modo de vida dos moradores. Se eles recebem muitas visitas, com grandes números de pessoas, é preciso fazer uma bancada maior e com mais lugares para sentar.

Outro ponto importante é o tamanho e a configuração do espaço. São elas que vão determinar se a banqueta de cozinha ficará em sua área correspondente ou na sala de estar. Caso ela esteja ligada ao lado da alimentação, escolher modelos de banquetas que privilegiam a funcionalidade. Caso as peças fiquem do lado da decoração de sala, deve-se pensar no efeito estético.

banqueta-alta-sem-encosto-de-palha-pestre-branco-mao-e-formao-87977

Os materiais das banquetas para bancada, dos assentos e dos pés também precisam ser diferente. No caso de fazer a decoração para cozinha, por exemplo, aproveite os materiais em metal, como a banqueta cromada, já que esses materiais no ambiente são uma constante decorativa.

Já para a decoração de sala, mantenha os modelos de banquetas com tons próximos aos estilos de sofás e poltronas para sala. O tecido dos assentos precisa fazer jogo com os demais tecidos e também os papéis de parede que estejam revestindo paredes ou painéis da decoração de casa.

Esse revestimento da parte estofada da banqueta alta também precisa levar em conta a função e a necessidade do ambiente. Cozinha, área de lazer, bares e piscinas costumam ser lugares com fluidos, como líquidos e gorduras difíceis de remover. Por isso, dê preferência para materiais mais fáceis de limpar.

No entanto, além de pensar no lado funcional na escolha do material desses objetos de decoração, é preciso levar em conta também o estilo dos espaços onde a banqueta para cozinha vai ficar.

Em ambientes mais clássicos ou conservadores, por exemplo, utilize couro, malha e outros tecidos que se adaptam à decoração. Modelos de banquetas em acrílico ou metal vão muito bem em ambientes mais clean, assim como o couro e o corino são perfeitos para ambientes mais rústicos.

Já quanto ao modelo da banqueta para espaços menores, siga com os modelos apenas com assentos. Para decoração de ambientes mais amplos e sofisticados, escolha um modelo de banqueta com encosto. No entanto, em ambos os casos, é necessário um lugar para apoiar os pés, que pode ser acoplado na bancada ou fazer parte do modelo do banco, para criar um maior conforto.

banqueta-alta-com-encosto-preto-com-assento-verde-marcheli-71181

Dicas importantes na hora de comprar a banqueta

Por isso é importante escolher bem as banquetas como objetos de decoração, uma vez que somente com a seleção correta desta peça é possível receber de volta o custo benefício da compra, uma vez que as banquetas podem até ser utilizadas em outros locais da casa.

No entanto, não são todas as pessoas que podem utilizar a praticidade dos modelos de banquetas. Idosos e pessoas obesas podem ter dificuldade na utilização. No caso dos idosos, o melhor é se utilizar de mesas de cozinha e cadeiras com braços para servir de apoio, já os obesos precisam de assentos que acomodem o quadril de maneira confortável.

Outro item que precisa ser muito bem pesquisado nesses artigos de decoração é o material da banqueta. Nunca compre um modelo feito de algum material que possa deformar, já que eles podem acabar causando acidentes.

A banqueta utilizada na decoração da casa precisa ainda ser confortável. Isso significa que você não deve escorregar facilmente quando sentada nela, por exemplo. Qualquer refeição dura, em média, 30 minutos. Durante todo esse período, a pessoa que estiver utilizando precisa se sentir bem.

Caso escolha uma banqueta com encosto, escolha uma que acomode melhor seu quadril. Essa escolha será derradeira para o estilo e o conforto necessário para a sua bancada. Por isso, não tenha medo de testar, inclusive, os apoios para o pé.

kit-2-banquetas-estofadas-vox-com-regulagem-a-gas-preto-facthus-98898

Se os modelos de banquetas para cozinha forem escolhidos para a casa e decoração no litoral, evite qualquer tipo de modelo metálico. Dica que vale para a estrutura interna quanto para os modelos de banqueta cromada, prefira modelos que usem plástico, resina ou até uma banqueta de madeira. Caso queria algo que imite um metal mais pesado, aposte no aço inoxidável ou alumínio.

E para encontrar os melhores modelos de banquetas para cozinha, conte sempre com a MPozenato. Somente aqui você encontra as melhores peças e itens para deixar todos os ambientes decorados com qualidade e conforto.

Escolhendo as cores: descubra qual o impacto da decoração do seu ambiente sobre você!

Durante muito tempo a escolha das cores para residências e ambientes corporativos se baseava no gosto do decorador ou na criação de uma harmonia com os móveis. No entanto, os avanços da ciência mostram que as cores são muito mais do que uma forma de atribuir personalidade aos espaços, sendo capazes de influenciar também nos nossos desejos e emoções. Além de possuírem significados sociais como esperança, paz ou amor, as cores ativam determinadas áreas do cérebro, causando mudanças de humor e estimulando a produção de substâncias corporais como os hormônios.

 

As técnicas que envolvem a psicologia das cores já são empregadas em diversos ramos, principalmente no comércio e no marketing, já que o uso de um determinado conjunto de tons para um ramo específico pode influenciar diretamente no número de vendas concluídas. Um exemplo disso é o uso de vermelho por redes de alimentos. Os tons quentes e avermelhados agem em zonas específicas do cérebro que estimulam fortemente as amígdalas e o núcleo accumbens, estrutura ligada ao prazer. O resultado é um forte impulso de consumo de alimentos rápidos e saborosos.

 

Levar essa técnica mercadológica para os ambientes que você frequenta pode ser revolucionário, já que algumas cores ajudam a manter o foco e a concentração, enquanto outras fazem o corpo relaxar e a mente atingir um estado mais tranquilo. Quer saber qual o melhor tom para ambiente? Continue lendo!

 

Branco

O branco é formado pela reflexão simultânea de todas as cores, fazendo com que elas se tornem uma só. Esse tom estimula o córtex cerebral esquerdo, parte responsável pelo pensamento lógico e pelas habilidades de comunicação. Usado principalmente pelas áreas da saúde, esse tom sugere pureza, higiene e luminosidade, fazendo com que o corpo vá atingindo aos poucos um estado de calma. É difícil ver um ambiente monocromático nesse tom, já que o uso excessivo de branco costuma causar causar uma sensação solitária. O melhor modo é usar esse tom no ambiente quando o seu objetivo for destacar os tons da mobília ou da decoração, dando ainda mais destaque às cores escolhidas.

pasted image 0

Vermelho

Já falamos um pouco sobre o vermelho na introdução, mas essa é uma cor intensa e com muito potencial para ser usada na decoração. Sendo considerada uma cor quente, o tom inspira confiança, ânimo, força de vontade e a tomada de iniciativas. Mas, se usado em excesso o vermelho é um tiro pela culatra, já que pode estimular emoções como o nervosismo, a hostilidade e a agressividade. Em doses ponderadas a cor é uma excelente opção para inibir os medos e as preocupações, ajudando a esvaziar a mente.
Usado em tons escuros, é uma das principais opções para o quarto de casal, já que transmite uma noção de autoridade e respeito, enquanto estimula a sensualidade e a vivacidade.

pasted image 0 (1)

Laranja

Apesar de ser um tom próximo ao vermelho, o laranja atua em uma zona mais ampla do cérebro. Os tons alaranjados estimulam o sistema mesolímbico-mesocortical, também conhecido como Sistema de Recompensa. Essa zona cerebral responde pelo prazer e necessidade de repetição da experiência prazerosa, sendo ativada principalmente por meio da alimentação, do sexo, da prática física e também pelos tons laranjas. Usar o laranja na decoração e uma excelente opção para quem quer aumentar o bem-estar, a expressividade e a criatividade. Por proporcionar mais dinamismo e elevar nosso ânimo, essa cor é indicada principalmente para locais de trabalho e estudo, ajudando a expandir a mente e diminuir a sensação de cansaço. Além disso, nosso conselho é utilizá-la na cozinha, já que tende a abrir o apetite de forma mais equilibrada que o vermelho.

pasted image 0 (2)

Rosa

O rosa é uma das provas de que as cores para ambientes externos e internos também são afetadas pelo contexto histórico e social, ganhando um significado próprio ao longo do tempo. Assim como o laranja, o rosa também ativa uma parte específica do sistema de recompensa, a área tegmentar ventral, também conhecida como ATV. Essa é a zona responsável pela saciedade da fome, da sede e do sexo, fato que coloca o rosa em xeque no seu uso mais comum. A cor normalmente é assimilada a inocência, delicadeza e feminilidade e deve ser usada para inspirar acolhimento, conforto e atividades inovadoras. Além disso, o rosa também libera no cérebro uma sensação de carinho e aconchego ideal para ser compartilhada com crianças ou com amigos.

pasted image 0 (3)

Amarelo

O amarelo é a segunda cor mais clara da nossa tabela básica de influência das cores. Sendo uma cor quente, esse tom traz uma sensação de calor, iluminação que proporciona vivacidade e otimismo. Além disso, esse tom é uma excelente opção para ambientes de trabalho que exigem criatividade e comunicação. O amarelo tem um forte potencial estimulante capaz de ativar a mente e iluminá-la para novas ideias.

pasted image 0 (4)

Marrom

O marrom atua diretamente no Sistema Límbico, estrutura que responde pelas emoções. A cor é ligada a tradição e conforto, fato que nos deixa encantados pelas decorações rústicas e clássicas em tons de madeira. Usada principalmente para bibliotecas, salas de estudo e escritórios, a cor transmite sobriedade e acolhimento, permitindo que você passe longas horas nesse espaço.

pasted image 0 (5)

Verde

Sendo uma das mais intensas das cores, o verde é um misto de emoções e sentimentos complexos que costumam formar uma atmosfera tranquila e reconfortante. Agindo diretamente no Córtex Pré-Frontal, parte do cérebro responsável pelo pensamento abstrato e criativo, respostas afetivas e capacidade para conexões emocionais, o tom transmite frescor, equilíbrio e harmonia. A dica é investir nos tons mais claros de verde para provocar sensações de saúde, tranquilidade e relaxamento, enquanto os tons mais escuros transmitem seriedade, segurança e juventude.

pasted image 0 (6)

Azul

O azul é uma cor altamente terapêutica que une sensações como pureza, higiene e tranquilidade. Usado normalmente em salas, dormitórios e consultórios de psicologia, esse tom possui ação relaxante e ajuda a romper a barreira do desconforto, deixando o ambiente mais natural e acolhedor. Nos quartos esse tipo de cor possui ação sedativa e curativa, proporcionando noites de sono melhores e mais relaxantes. Além disso, as tonalidades mais claras ajudam a dar um ar alegre e vívido, perfeito para a sala de estar. Apesar de ser muito usada nos banheiros, nossa recomendação é evitar essa cor na decoração, já que causam uma sensação de resfriamento e tristeza que pode tornar seu banho nos dias mais gelados uma sensação aterrorizante.

pasted image 0 (7)

Violeta

O roxo é um dos tons cujos efeitos neurais batem com o significado das cores comumente difundidos. O tom traz um ar de mistério que pode ser relacionado à calma e a sensatez, além de inspirar sensações como a sensibilidade, a intuição e a espiritualidade. Os tons mais fechados são boas opções para ambientes de meditação ou relaxamento, como o quarto ou uma área de atividades físicas. O tom de lavanda, por sua vez, é a opção perfeita para o closet, já que ajuda a elevar a auto-estima.

pasted image 0 (8)

Preto

O preto foi durante muito tempo abolido das paredes. Isso porque o tom costuma reduzir os ambientes, sendo indicado somente para cômodos largos e com o pé direito alto. No entanto, esse tom é uma excelente opção para quem quer um ambiente mais sério ou para quem deseja destacar os aspectos coloridos da decoração.

pasted image 0 (9)

 

Aparador para sala: O que é e como utilizar

Encante a sua sala com um dos móveis decorativos mais versáteis do planeta

Dentre todos os o objetos de decoração de sala, alguns ganharam um status de “móveis finos”. É o caso do aparador de sala. Possível de encontrar em casas e apartamentos amplos, a peça ganhou releituras, podendo ser achada em diversos tamanhos, inúmeros materiais e até acabamentos diversos.

No entanto, mesmo com tantas mudanças de estilo para decoração de casas, a função desses novos itens decorativos continua a mesma de sempre: unir praticidade e beleza dentro do mesmo ambiente.

Democrático, os modelos de aparadores vão bem a todos os lugares da casa, destinado para as áreas sociais da residência. Ele combina com salas, varandas e, em segundo plano, corredores largos e até para os quartos. No entanto, é totalmente indispensável avaliar se esse item decorativo realmente precisa ser utilizado.

1-mesa-madeira

É preciso perceber e questionar se a decoração de sala realmente precisa da utilização de um aparador. Por isso, avaliar a utilização da área de decoração é imprescindível. Em caso de um sim, basta escolher o modelo de aparador que tenha as medidas totalmente proporcionais ao ‘layout’ do ambiente.

Todas as funções de um aparador para sala

Encontrado nos mais diferentes materiais, como madeira, vidro, alumínio, e com diversos tipos de acabamentos, como pintado em laca, revestido por espelho, de couro, a lista de modelos de aparadores é enorme. É possível encontrar esses móveis para decoração nas mais diferentes lojas, desde as mais conhecidas até as mais simples, sendo que elas devem ser utilizadas em cada ambiente da cada para uma função específica.

2-aparador-sala

Na hora de utilizar um aparador para sala de jantar, por exemplo, o papel é servir como apoio para mesa. Dentro de um evento ou refeição, todo tipo de prato que não cabe na mesa, vai direto para o aparador. No entanto, não são todas as peças que são consideradas esses móveis decorativos. Caso sua peça possua portas e espaço para armazenamento, o nome muda e vira o conhecido Buffet.

3-aparador-sala

Já na hora de utilizar um aparador de sala em um hall de entrada, seu sentido é totalmente estético. Provavelmente, esses móveis estão neste lugar somente para tapar um buraco na área, servindo para apoiar um arranjo, caixas decorativas, porta-retratos e outros objetos.

Dentro de uma sala de estar, ele também pode ter um caráter estético, além de ser prático. Isso acontece quando se utiliza o aparador de bar, decorando-o com garrafas, uma bandeja sofisticada e copos. Há ainda o aparador com adega, que reúne o suporte para os itens acima com um suporte para os vinhos, localizado logo abaixo.

Já se os aparadores modernos forem utilizados para a varanda, eles assumem as mesmas funções de uma sala de estar ou jantar. Ela pode ser meramente estética, sendo um objeto de decoração para colocar alguns arranjos, como uma utilização prática, sendo utilizado para servir de apoio para os itens de um almoço ou jantar na varanda gourmet.

4-aparador-de-bar

Por fim, é possível utilizar os modelos de aparador em um quarto, ou no “closet”. Ele é utilizado junto à penteadeira ou mesa de maquiagem, como uma forma de aumentar o seu espaço. São tantas opções de utilização, que a peça é um dos móveis decorativos mais versáteis da casa.

Como decorar o aparador para sala

Versátil por natureza, o aparador é charmoso e elegante na medida certa. Ele deixa a decoração de casas completa em diferentes ambientes, como o hall de entrada, sala de estar, cozinha, sala de jantar e, até mesmo, no corredor. No entanto, cada modelo de aparador possui uma gama de itens que podem ser utilizados. Por isso, é importante entender cada espaço e a sua decoração.

Caso você escolha um aparador decorado com quadro, é possível utilizá-lo de forma funcional ou decorativa. Na decoração de sala de jantar, por conta da função de poder receber pratos e copos, o ideal é apostar em uma decoração mais minimalista. Com vasos de flor e castiçais, o trabalho de decoração fica muito mais bonito, não atrapalhando a outra função de móveis para decoração.

5-decoracao-para-aparador

Nos modelos de aparadores, o ideal é decorar a superfície com itens altos e chamativos, principalmente utilizando poucos elementos. No caso de utilizar os móveis no hall de entrada, aproveite para acompanhar com um belo espelho na parede, um detalhe que valoriza ainda mais a peça.

Aproveite para decorar com uma bandeja para aparador bonita para as chaves e correspondência, além de velas perfumadas e outros itens da sua preferência como caixinhas decorativas, estatuetas e outros itens para salas decoradas.

6-aparadores-para-sala

Dentro da sala de estar, o aparador de sala pode ser utilizado como bar também, recebendo garrafas e copos diferentes em cima de uma bandeja, além de um vaso decorado com rolhas ou bolachas de cerveja.

No entanto, não tem nenhum segredo para acertar a escolha de itens dentro de modelos de aparadores. Monte seus enfeites e continue brincando e fazendo combinações até chegar a um resultado agradável. Por isso, depois de um tempo, nada impede que toda a disposição dos móveis seja alterada, criando uma nova decoração.

Por fim, na hora de fazer a decoração de móveis, não basta apenas escolher o modelo de aparador correto para a sua necessidade. Cheio de releituras e modelos diferentes, ele é perfeito para ser utilizado em qualquer lugar.

E, para encontrar outros grandes objetos de decoração, conte sempre com a MPozenato. Somente no site, você pode encontrar grandes itens decorativos, como poltronas para sala, penteadeira suspensa e muito mais.

Como escolher a cadeira para área externa

Saiba algumas dicas que vão facilitar o seu processo de escolha.

As áreas externas costumam ser um dos ambientes mais gostosos e prazerosos da casa, claro, não há nada como sentar em uma macia cadeira enquanto toma um sol, não é?

Ter móveis confortáveis nessa parte da casa é uma boa maneira para otimizar o ambiente e torná-lo ainda mais especial. Mas, você sabia que alguns cuidados devem ser tomados na hora de escolher a sua cadeira área externa?

Neste artigo vamos te dar algumas dicas para facilitar o seu processo de escolha.

Cuidados com o material

O material precisa ser resistente porque a sua cadeira para área externa ficará exposta diariamente ao sol e a chuva.

Dê preferência para fibra, alumínio e madeira. Aliás, caso escolha esse último material citado, verifique se ele passou por um processo de proteção e saiba que a manutenção deve ser constante.

Já as cadeiras de alumínio são mais resistentes às condições climáticas, porém, caso tenha piscina evite que ela fique entrando em contato com o cloro para não estragar.

As cadeiras de fibra estão divididas em duas categorias: fibra sintética e fibra natural.

Cadeiras de fibra sintética não desbotam e podem ficar expostos em terrenos abertos. Outra vantagem é que costuma ser extremamente leve.

Já as cadeiras de fibra natural também são leves e agregam um charme rústico ao ambiente, a desvantagem fica por conta da baixa resistência às variações do clima.

Estofados de qualidade

De nada adianta ter uma ótima cadeira para área externa se o estofado for de qualidade ruim e não suportar uma chuvinha se quer.

Escolha para a sua cadeira algum tecido que seja adequado para essa parte da casa. Uma dica é escolher tecidos impermeáveis porque são resistentes e fáceis de limpar.

cadeiraareaexternal

Design e estofado da sua cadeira

Não se esqueça de dar atenção para o design do seu móvel, afinal, ele precisa combinar com as outras peças e traduzir o seu estilo.

Atente-se a cor do estofado, cores escuras como o azul marinho, preto e marrom desbotam facilmente. Prefira branco, bege e outras cores claras.

Estampas floridas e lembrem o verão ajudam a elevar o astral do ambiente e combinam perfeitamente.

Cadeiras para área externa na Mpozenato

Gostou das nossas dicas de cadeira área externa? Acesse nossa seção e confira todos os nossos modelos.

Com certeza algum deles combinará muito bem com a sua decoração!

Os móveis da Santos Andirá

Conheça a história e a tecnologia por trás de todos os móveis.

Com mais de 40 anos de história, a Santos Andirá se tornou umas das maiores empresas moveleiras do mercado e está presente em diversos países da América Latina.

Para que os móveis sejam feitos com grande qualidade, a mão de obra da Santos Andirá é ampla e especializada, são aproximadamente 500 funcionários que fabricam uma média de 420.000 produtos por ano.

Um pouco da trajetória

Fundada em 1961 com o nome de Irmãos Santos, a empresa contava apenas com poucas ferramentas, máquinas reformadas e com uma produção exclusivamente manual.

17 anos depois, em 1978, a empresa já se havia se tornado uma das maiores da região e passava por grande processo de expansão.

Nesse processo, a empresa alterou o seu nome para Indústria e Comércio de Móveis Santos Ltda. e passou a ocupar um terreno de 4.000m na entrada de Andirá-PR.

Foi apenas em 1987 que o nome Santos Andirá Indústria de Móveis Ltda. surgiu.

Qualidade em primeiro lugar

Mesmo que possua maquinário de ponta e profissionais capacitados para a produção em massa dos seus produtos, o compromisso da Santos Andirá é com a qualidade e não com a quantidade.

Toda a linha de produtos é pensada e fabricada baseando-se em pesquisas realizadas com consumidores e especialistas.

Cheios de detalhes inovadores, com design funcional e acabamento diferenciado, os móveis da Santos Andirá caem muito bem com qualquer decoração.

Compromisso com o meio ambiente

Você sabia que quando um dormitório é feito de madeira maciça consome 3 vezes mais árvores do que quando é feito com madeira reconstituída?

A Santos Andirá sabe disso e possui o compromisso de produzir todos os seus móveis com madeira reconstituída para contribuir com a preservação do meio ambiente.

Com o plantio conduzido e as florestas artificiais, o aproveitamento é máximo, o corte ilegal é combatido e a natureza agradece.

andirall

Produtos Santos Andirá

Todos os produtos da Santos Andirá são voltados para um único cômodo da casa: o quarto.

Além disso, eles estão divididos em 4 linhas diferentes: componível, casal, juvenil e bebê.

Na linha de componíveis, você encontrará diversos modelos de móveis para completar a decoração do seu quarto, como painéis, módulos, bancadas e cantoneiras.

Já a linha de casal é voltada para agregar estilo, conforto e espaço. São diversos modelos de camas e guarda-roupas para que o quarto fique exatamente como o casal sempre sonhou.

Os móveis juvenis possuem design inovador e moderno, além de serem extremamente funcionais. São camas, cômodas e até sapateiras.

Por fim, a linha de bebês. Todos os produtos da Santos Andirá possuem o máximo de qualidade.

Além disso, os berços possuem travas de segurança e quinas arredondadas para garantir noites tranquilas para o seu filho.

Gostou? Então acesse o site da Mpozenato e confira toda a linha da Santos Andirá!

A funcionalidade do gaveteiro

Conheça um pouco mais desse incrível ajudante de organização.

Excelente móvel para decorar escritórios, o gaveteiro serve para seu home office, quartos e até salas.

Disponível em diversos materiais, o gaveteiro tem como principal função manter todos os seus documentos e objetos em ordem.

Quer saber um pouquinho mais sobre o papel deste móvel nos diversos cômodos de casa ou do trabalho, nós da Mpozenato te contamos um pouquinho.

Gaveteiro no escritório

No escritório o gaveteiro tem como papel principal a organização dos inúmeros documentos, a decoração fica para segundo plano, mas não é menos importante.

Se organizado da maneira correta, ele pode ser extremamente prático e contribuir muito para a agilidade do seu trabalho.

Gaveteiro para quarto

No quarto, o gaveteiro contribui para a decoração e para guardar itens que não cabem na prateleira, como materiais escolares e brinquedos no caso das crianças ou itens pessoais que não podem ficar expostos no caso dos adultos.

Você pode utilizá-lo em conjunto com a escrivaninha ou a mesa de computador.

Gaveteiro na cozinha

O gaveteiro nesse cômodo da casa pode ser extremamente funcional.

As vezes, nossa você pode guardar talheres, temperos, panos de prato e muitas outras coisas.

Gaveteiro com Três gavetas

Tipos de gaveteiro

Os gaveteiros são divididos em 3 categorias diferentes: gaveteiro volante, gaveteiro de mesa e gaveteiro pasta suspensa.

O gaveteiro volante normalmente contém 3 gavetas e é mais indicado para escritórios. Possui rodas para garantir mobilidade e facilidade de acesso.

Já o gaveteiro de mesa é fixo na mesa do escritório e na maioria dos casos possui fechadura para garantir privacidade ao usuário.

Por fim, o gaveteiro pasta suspensa que costumam ter 2 ou 4 gavetas e não possuem rodas.

Gaveteiros na Mpozenato

Gostou de saber um pouco mais sobre esse móvel? Agora acesse o site da Mpozenato e escolha o seu modelo de gaveteiro.

Temos diversas opções e com certeza alguma delas será útil para você!

As Funções do Puff na Decoração

Acredite, os puffs podem ser coringas na decoração e na organização do ambiente.

Não há quem não goste de um macio e estiloso puff, não é? Mas não é para menos, além de ser extremamente confortável, os puffs são versáteis, servem para diversos ambientes e dão um charme extra para qualquer decoração.

Quando há falta de espaço, os puffs são verdadeiros aliados. Apesar de ser um móvel pequeno, possui diversas possibilidades de ser inserido no ambiente de modo que agregue valor ao espaço.

Quer saber um pouco mais sobre este móvel, como inseri-lo e conhecer alguns tipos? Basta ler este artigo até o final.

Funções do puff

Pense nas suas necessidades e no espaço disponível, esse é o melhor modo para descobrir qual o modelo de puff para sala que melhor se encaixa no que você busca.

Se o seu problema é um ambiente pequeno, existem modelos que ajudam a otimizar o espaço disponível. Outra característica dos puff é que podem ser usados como assentos extras para quando você receber visitas de familiares e amigos.

Os puffs para sala também podem ser utilizados como complemento do sofá, sendo assim, terá a função de apoio de pés.

Existem modelos que são ainda mais funcionais, como o puff baú. Você poderá utilizá-lo das maneiras ditas acima e também poderá guardar itens e objetos pessoais, como livros e até cobertores. Essa é uma ótima opção porque auxilia na decoração, na otimização da sala e também na organização.

Puff para quarto

Em quartos, o puff agrega delicadeza para a decoração. Geralmente é utilizado como apoio para sapatos, livros, roupas.

Já no quarto das crianças, o puff para quarto possui um papel mais voltado para a diversão e organizacional, o puff baú é uma boa escolha porque irá servir para guardar brinquedos e muitas outras coisas.

Puff para escritório

Se você trabalha em casa ou escritório, o puff serve para recepcionar pessoas e

como item de decoração. O correto é utilizar puffs mais sofisticados e com cores neutras.

 

puff-decorativo-vermelho

Puff na Mpozenato

Gostou de saber um pouco mais sobre as funções do puff para sala e de outros cômodos e como poder ser incluído para diversas composições?

Agora corre lá no site da Mpozenato e escolha os modelos que mais combinar com você!

Escolhendo a Poltrona Decorativa

As poltronas decorativas estão na moda e podem dar um incrementar a sua decoração.

As poltronas não podem ficar de fora da sua decoração. Elas ajudam a compor o espaço e incrementar a sala de estar, os quartos e o escritório.

Além disso, as poltronas decorativas aumentam o número de assentos, tornando o cômodo mais sociável e convidativo para as visitas.

São esses motivos que fazem a poltrona ser tão essencial. Quer algumas dicas para facilitar sua escolha? Nós do blog Mpozenato vamos te ajudar!

Tamanho da poltrona decorativa

Atualmente, as poltronas decorativas são itens essenciais para compor os ambientes, principalmente a sala de estar. Por isso, para não ter erro é necessário que você avalie o espaço disponível para o móvel.

Tenha em média de 70 cm disponíveis para que a sua poltrona para sala não atrapalhe a circulação e nem fique muito próxima dos outros móveis.

O tamanho também é importante para criar harmonia com o sofá, rack e mesa de centro, afinal, não adianta ter uma poltrona muito grande e sofás pequenos.

Se o ambiente for menor, o ideal é que a poltrona decorativa também seja. Modelos giratórios são boas opções para essa situação.

Conforto da poltrona

De nada adianta você possuir uma linda poltrona se ela não for confortável.

Assim como o sofá, a poltrona para sala de estar deve ser feita de um estofado resistente e macio para que você possa passar algumas horas sentado sem sentir dor ou danificar o móvel.

Leve em consideração o formato da poltrona, tamanho do encosto e altura dos braços.

Estilo da poltrona decorativa

Existem diversos modelos: retrô, moderno, clássico, vintage, entre outros.

Caso ainda esteja decorando e queira seguir o estilo moderno, saiba que você pode variar diferentes estilos para criar contraste e combinações. Se preferir algo mais clássico, o ideal é que você escolha de acordo com o restante da sua decoração.

Busque dar um tom homogêneo. Tapetes e cortinas podem ajudar bastante. Móveis com a mesma tonalidade de cor também contribuem para isso.Poltrona Decorativa Estampada

Cores da poltrona

Você pode brincar com a cor, textura e até com as estampas da poltrona da sala de estar.

A poltrona não precisa ser necessariamente da mesma cor que o sofá, aliás, o interessante é usá-la como ponto de contraste do ambiente, com textura e tonalidades diferente.

Nos ambientes que possuírem os móveis em cores neutras, utilize poltronas para sala com cores vivas para que elas se destaquem. Se o ambiente for muito colorido, prefira poltronas com neutras.

Utilize almofadas no mesmo tom da poltrona para a junção ficar melhor.

Poltronas da Mpozenato

Gostou das nossas dicas de poltronas decorativas?

Acesse nosso site e confira todos os nossos modelos. Possuímos diversas opções para você decorar sua sala de estar, seu quarto e até o escritório.

Older posts